Minha lista de Blogs

segunda-feira, 30 de abril de 2012

30/04/2012 10h16 - Atualizado em 30/04/2012 10h16 Professora deixa cargo após aluno ameaçá-la de morte, em Goiânia



Uma professora da rede pública de ensino, que preferiu não ser identificada, revelou que deixou o cargo após um aluno ameaçá-la de morte. Com receios de encontrar o estudante, a docente foi afastada da função para realizar um tratamento psicológico e, ao concluí-lo, deixou de lecionar para trabalhar como secretária na biblioteca da unidade de ensino, em Goiânia.
“Essa situação gerou todo um transtorno mental a ponto de não conseguir ver o aluno e até mesmo qualquer adolescente. O próprio fato de ouvir a voz dele já me causava todo um desequilíbrio emocional. Passei a tomar medicação controlada de tarja preta, não dormia direito e estava totalmente desequilibrada”, conta a professora, que completa. “Tem que ser tomada alguma providência, porque se não, professor será um artigo de luxo”.

De acordo com o Ministério Público de Goiás (MP-GO), além de sobrecarga no trabalho, a falta de respeito dos alunos com os professores tem causado nos educadores traumas e outros transtornos mentais. Sem nenhum constrangimento, um aluno revela à TV Anhanguera que já agrediu o próprio professor. “O dia que eu estava brigando, ele entrou no meio e sem querer dei uma porrada nele”, declara o estudante que preferiu não ser identificado.