Minha lista de Blogs

sexta-feira, 13 de julho de 2012

VIVA O ROCK

Há 24 anos, 13 de julho é dia de comemoração para os fãs de rock and roll. A data para a celebração foi escolhida porque neste dia, em 1985, aconteceu o Live Aid, festival com espetáculos simultâneos na Inglaterra e nos Estados Unidos e que tinha como objetivo arrecadar dinheiro para as pessoas que sofriam com a fome na Etiópia. O festival reuniu nomes de peso, como Led Zeppelin e Queen, e ainda contou com milhões de telespectadores, que assistiram de suas casas os monstros do rock unidos em prol de uma causa nobre.
Mas a história do rock começa muito antes da década de 80. O ritmo nasceu na década de 50 e, ironicamente, já foi declarado morto uma centena de vezes. Mas verdade seja dita: o rock nunca morreu, e provavelmente nunca morrerá, já que é um dos estilos de música com maior habilidade para se reinventar a cada década.
O rock é daqueles ritmos difíceis de classificar, ele não tem uma só cara, muito menos um só acorde. Vai das baladinhas dos primeiros anos dos Beatles, nos anos 60, até os sons distorcidos do punk nos anos 80. Ele começa com o rebolado de Elvis, nos anos 50, e vai até os gritos de Kurt Cobain nos anos 90. Tudo isso sem escala, sem parar para pensar. O rock é assim, multifacetado. Quer saber mais? Navegue pelo nosso especial e confira fatos importantes dessa história que ainda não terminou de ser escrita.